quarta-feira, fevereiro 01, 2006

Northern Exposure


Às séries que o Rantas aqui referiu acrescentava, como uma das minhas favoritas, "Northern Exposure", que por cá passou, muito maltratada pela SIC, com o nome "No fim do mundo", com os episódios a irem para o ar às 2 e 3 da matina. Um crime.
"Northern Exposure" começa com a chegada a Cicely, uma remota vilória nos confins do Alaska, do médico estagiário Joel Fleischman (Rob Morrow), um nova-iorquino cujo único desejo é regressar rapidamente à "Big Apple".
Todas as personagens são marcantes: o ex-astronauta e empresário de sucesso Maurice Minnifield, a dona da mercearia local Ruth-Ann, o índio aspirante a realizador de cinema Ed Chigliack, o improvável casal que gere o café The Brick, Holling e Shelly.

Mas as minhas preferidas são a recepcionista do centro de saúde, uma desconcertante e monossilábica índia que dá pelo nome de Marilyn e Chris Stevens (o Aidan the "Sex and the City), o locutor da rádio local que é ex-presidiário e filósofo. Claro que esta lista claudicava totalmente se não falasse de Maggie O'Connoll, uma lindíssima piloto de avião e senhoria de Joel, com quem se envolve numa errática e algo platónica relação. A série estreou, nos Estados Unidos, em 1990 e mateve-se em antena na CBS até 1995, somando um total de 88 episódios de uma hora cada.
Passei muitas horas a "fazer horas" (passe a redundância) para ver "Northern Exposure", um vício semanal que se me entranhou como sarna em cão. Entretanto, fui-me esquecendo dos nomes das personagens, dos contornos do enredo e, hélas, até do próprio nome original da série. Reavivei a memória aqui e, a partir de agora, vou sentir um formigueiro até conseguir comprar os episódios completos para poder rever tudo.

1 ComentÁrios:

Blogger ictioscopio!! disse...

Na Espanha também maltrataram coa hora, chamouse "Doctor en Alaska", cá um site em espanhol onde a lembram.

14 maio, 2006 00:41  

Enviar um comentário

<< Home